Italo Ferreira Reina em Keramas

Italo Ferreira foi absoluto. Dominou as direitas de Keramas com um backside afiado e arisco, emendando manobras com extrema fluidez e criatividade.


Ligado no 220v, o brasileiro espancou as valas perfeitas de Keramas e chegou a encaixar nove “bolachadas” numa mesma onda, enquanto a maioria dos surfistas executava uma média de quatro manobras por onda.


Foi levado ao pódio no trono dourado e mal podia se conter de tanta energia. Os tops que se cuidem, porque parece que o potiguar está pegando gosto por esse negócio de vencer.

Com a vitória incontestável, Italo volta a vestir a lycra amarela, reservada ao líder do circuito. Filipe Toledo segue na segunda posição, à frente de Julian Wilson que não foi longe em Keramas. O bicampeão mundial John John passa mais uma etapa em branco, sem conseguir um bom resultado e comprometendo bastante as possibilidades de título mundial.

O evento na Indonésia também foi marcado por uma polêmica: a virada de Mikey Wright para cima de Willian Cardoso nos últimos segundos da bateria das quartas de final. Muitos torcedores e personalidades do mundo do surfe questionaram a diferença das notas dadas para os dois surfistas.


Para Edinho Leite, o erro de julgamento não aconteceu apenas na comparação das duas últimas ondas, mas também quando se avalia a primeira nota a entrar no somatório de Willian, que, para Edi, deveria ter sido a melhor da bateria.


Ranking WSL 2018 após 5 etapas


01 Italo Ferreira (BRA) – 24.995 pontos 02 Filipe Toledo (BRA) – 22.820 03 Julian Wilson (AUS) – 21.080 04 Michel Bourez (TAH) – 19.375 05 Gabriel Medina (BRA) – 17.860 06 Adrian Buchan (AUS) – 15.250 07 Griffin Colapinto (EUA) – 14.580 08 Wade Carmichael (AUS) – 14.005 09 Ezekiel Lau (HAV) – 13.335 10 Owen Wright (AUS) – 13.240 10 Michael Rodrigues (BRA) – 13.240 12 Mikey Wright (AUS) – 13.115 13 Jordy Smith (AFR) – 12.745 14 Jeremy Flores (FRA) – 12.195 15 Mick Fanning (AUS) – 11.500 16 Willian Cardoso (BRA) – 11.405 17 Adriano de Souza (BRA) – 11.150 18 Tomas Hermes (BRA) – 10.255 19 Kolohe Andino (EUA) – 10.160 19 Frederico Morais (PRT) – 10.160 21 John John Florence (HAV) – 9.115 21 Conner Coffin (EUA) – 9.115 ——–próximos brasileiros: 24 Jessé Mendes (BRA) – 7.870 pontos 27 Yago Dora (BRA) – 7.670 32 Ian Gouveia (BRA) – 5.380 35 Miguel Pupo (BRA) – 2.505 36 Caio Ibelli (BRA) – 2.100 38 Alejo Muniz (BRA) – 1.665 41 Wiggolly Dantas (BRA) – 420 41 Deivid Silva (BRA) – 420

#wsl #2018 #brasil

Notícias em Destaque